Nando Cordel

O sucesso levou Nando Cordel a excursionar por diversos países da Europa, tais como França, Suíça e Espanha, foi o mesmo que, de certa forma, infelizmente, o afastou dos estúdios. Com a agenda lotada, ele, que é um dos maiores compositores do Brasil, acabou ficando, nos últimos anos, sem tempo de gravar um disco, algo que gerou forte cobrança por parte de seus fãs.

Mas o hiato fonográfico, que durou seis anos, chegou ao fim e Nando se prepara, agora, para tirar do forno seu mais novo trabalho. Intitulado Aconchego, o CD, que será lançado de forma independente, pelo selo do artista, foi gravado em estúdios de Recife e São Paulo durante os [poucos] momentos “de folga” do artista, sempre envolvido com muitos projetos. “Projetos de chorinho, música instrumental, mantras...”, enumera.

Com 16 faixas, sendo dez inéditas e seis releituras de sucessos seus [De Volta Pro Aconchego, parceria dele com Dominguinhos, nacionalmente conhecida na voz de Elba Ramalho; Gostoso Demais, outra da dupla, gravada por Maria Bethânia; Você Endureceu Meu Coração, gravada por Fagner, e  Flor de Cheiro, Eu Nunca Esqueci Você e Paz De La Paz, lançadas em CDs anteriores], o disco promete!