Paulo Gori

Agenda

  • 00/00/0000 - Quarteto Villani 02....

Mais artistas

Iniciou sua carreira na Europa, no final dos anos 1970, depois de ter sido premiado nos grandes concursos internacionais de piano Paloma O'Shea (1976, em Santander, Espanha) e Rainha Elisabeth (1978, em Bruxelas, Bélgica), durante o qual participou da gravação de um disco para a Deutsche Grammophon. Suas apresentações pela Europa incluíram concertos com orquestras como a Bach Solisten na Alemanha e a Sinfônica Nacional da Bélgica, entre outras, além de recitais e concertos de música de câmara. Convidado pelo Projeto Memória Musical - que se encarrega da recuperação de partituras de obras brasileiras -, tocou o concerto para piano e orquestra de Souza Lima com a Orquestra Sinfônica de Santo André e o maestro Flávio Florence. A apresentação trouxe essa obra de volta às salas de concerto após jejum de 26 anos.

Em grande atividade como solista e camerista apresentou-se em Duo com seu ex-mestre Gilberto Tinetti na Sala Cecília Meireles no Rio de Janeiro, como também no Teatro de Cultura Artística em São Paulo. Também ao lado de Tinetti e Lançou   três   CDs   em   parceria   com   o   célebre   violista   húngaro-brasileiro No concerto comemorativo aos 65 anos da OSB - Orquestra Sinfônica Brasileira -, foi solista no 4º Concerto de Saint-Saëns no Teatro Municipal do Rio de Janeiro, sob a batuta de Ira Levin.

Artista versátil e dono de vasto repertório abrangendo até o modernismo, abriu com recital solo executando obras de Schoenberg, Webern, e Berg o “Ciclo Contrapontos Vienenses” da Sala Cecília Meireles no Rio de Janeiro.