Quinteto Sampa

Assim surgiu em 2005 o Quinteto Sampa,  constituído de Bandolim e Quarteto de Cordas. Historicamente o Quarteto Clássico de Cordas originou-se do conjunto barroco Sonate a Quattro, constituído de 2 Violinos, Violoncelo e Cravo. Por volta de 1720 Alessandro Scarlatti retirou o Cravo e incorporou a Viola, cujo repertório foi formatado e ampliado por Haydn, Mozart e todos os grandes compositores  até os dias de hoje. O Bandolim, deixando de lado o formato, tem muitas semelhanças com o Cravo: utiliza um plecto (palheta) para produzir som e como este é de curta duração e de pouca projeção, o bandolinista, como o cravista, tem que ter muita agilidade e precisão no plectar as notas, seja em solo ou em acordes. Nesta formação inédita, Bandolim, 2 Violinos, Viola e Violoncelo, nos arranjos de MPB Aleh Ferreira procurou transferir para os arcos a execução normalmente a cargo de Violões e Cavaquinho.