Novidades

28/03/2015 23:00:00


Sobe e desce: veja altos e baixos do primeiro dia do Lollapalooza 2015


SOBE

CIRCULAÇÃO
O caminho entre os palcos Skol e Onix está mais livre. Se em 2014 havia engarrafamento de gente na região, neste ano, com menos tendas prejudicando a passagem, leva-se menos tempo para circular.

ST. VINCENT
A cantora americana foi um dos destaques do primeiro dia do festival, com um show cheio de solos de guitarra e muito carisma.

TELEFONIA
O sinal de internet móvel e celular melhorou em relação ao ano anterior, embora seja comum encontrar áreas com "apagão".

QUALIDADE DO SOM
Apesar de uma falha durante a apresentação de St. Vincent, o som dos palcos estava bom.

CRESCEU
Vizinhos, o palco Perry, de música eletrônica, e o Chef's Stage, espaço coberto para barracas de comida preparada por chefs, tiveram um ano melhor, com tendas maiores e mais espaço para circulação do público.

KONGOS
Desconhecidos no Brasil, os sul-africanos aproveitaram bem a oportunidade–conseguiram espaço no horário nobre do festival por causa do cancelamento da cantora Marina and the Diamonds— e levantaram o público com um rock puxado no pop.

SÃO PEDRO
O clima, que colaborou, sem chuva ou calor excessivo.

DESCE

COTAÇÃO EM ALTA
Equivalente a R$ 2,50, a moeda do evento, o "mango", foi criticada por mascarar preços dos comes e bebes : chope a 4 mangos (R$ 10) e água a 2 (R$ 5), além de iguarias como cuscuz com legumes e arroz carreteiro a 10 (R$ 25). O preço não é muito melhor nos ambulantes, que cobram em reais: pastel e pipoca custam R$ 10 cada um.

AI, MEUS PÉS
Apesar do caminho mais livre entre os palcos Skol e Onix, ainda é uma maratona cruzar Interlagos para conhecer todos os palcos. É um festival para os fortes.

BANHEIROS QUÍMICOS
Mais uma vez, não seguraram a demanda. O mau cheiro era forte. Quando a noite caiu, muito marmanjo tratou de se aliviar do lado de fora, na lateral das cabines e principalmente nas áreas próximas ao palco Onix.

SEM BRINCADEIRA
Se por um lado a área Kidzapalooza, dedicada a shows e brincadeiras para crianças, melhorou a sua localização —agora perto dos palcos principais–, por outro, não funcionou durante todo dia. A Folha visitou o local por volta das 18h e encontrou os balanços interditados.

CADÊ?
A cantora Marina and the Diamonds cancelou sua apresentação última hora. Segundo relato postado em sua oficial página do Facebook, a cantora não pode comparecer porque seu voo foi cancelado. Alguns fãs, no entanto, especularam que talvez a cantora tivesse exagerado na balada na noite anterior e perdido a viagem.

E AGORA?
Ainda assim, a organização do Lolla disse que não iria reembolsar os fãs que só foram ao festival para ver a cantora.Uma fã chegou a gastar R$ 2.400 para conseguir assistir ao show. Apesar da negativa do festival, a lei prevê reembolso parcial em casos como este.

CONFUSÃO
A programação do palco Axe, alterada após o cancelamento de Marina and the Diamonds, só podia ser consultada corretamente pela internet. O material impresso com os horários ficou velho –nos cartazes e nos panfletos—, mais atrapalhando do que ajudando. No fim da tarde, ela passou a ser exibida em telões espalhados pelo festival.